Segunda, 13 de Julho de 2020
(89) 98132 5954 - Diretor
Geral BOM JESUS E GILBUES

DNIT Piauí dá início a obras em mais um trecho da BR-135 entre Bom Jesus e Gilbués

São 164 quilômetros de alargamento em uma obra orçada em R$ 78,2 milhões, com previsão de conclusão em dois anos.

17/06/2020 08h21
Por: Lucinaldo
DNIT Piauí dá início a obras em mais um trecho da BR-135 entre Bom Jesus e Gilbués

A rodovia, no trecho de Bom Jesus sentido Gilbués, será alargada, para o escoamento da produção de grãos no estado. O senador Elmano Férrer (Podemos/PI) disse nesta terça-feira (16) que tiveram início, por meio do DNIT Piauí, as obras do trecho Bom Jesus sentido Gilbués, na BR-135. São 164 quilômetros de alargamento em uma obra orçada em R$ 78,2 milhões, com previsão de conclusão em dois anos.

Segundo o senador Elmano Férrer, as obras irão melhorar a infraestrutura para o escoamento da produção de grãos na região dos cerrados piauienses. "Essa nova obra dá continuidade aos 140 quilômetros que já foram concluídos entre os municípios de Bom Jesus e Eliseu Martins, no valor de R$ 120 milhões. A BR-135, conhecida como rodovia da morte, já se transformou em rodovia da soja. Agradeço o empenho e confiança do Governo Bolsonaro no nosso estado”, ressaltou o senador.

O superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT) no Piauí, Ribamar Bastos, revela ainda que há ainda previsão de obras para um outro trecho da BR-135, de Gilbués à divisa do Piauí a Bahia. "Já foram iniciadas as obras no trecho entre o município de São Gonçalo do Gurgueia e Corrente, total de 51 quilômetros, um investimento de R$ 46,5 milhões", afirmou Ribamar Bastos.

MATOPIBA

Elmano Férrer ressaltou ainda que a região dos Cerrados piauienses está localizada estrategicamente na fronteira agrícola do MATOPIBA (estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), promissora para produção de grãos. A região recebeu ano passado uma nova superintendência da Caixa Econômica Federal, instalada na cidade de Bom Jesus para promover melhor desenvolvimento da promissora região sul do Piauí.

Fonte: MN

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.