Quinta, 02 de Julho de 2020
(89) 98132 5954 - Diretor
Geral COVID-19

Grávida de 19 anos com coronavírus morre após parto prematuro no Piauí

A jovem estava grávida de seis meses e passou por um parto de emergência, no entanto, veio a óbito sem conhecer o filho José Heitor.

26/06/2020 07h57
Por: Lucinaldo
Grávida de 19 anos com coronavírus morre após parto prematuro no Piauí

Uma grávida identificada como Luene Galeno, de 19 anos, morreu na quinta-feira, 25 de junho, vítima do novo coronavírus, na cidade de Parnaíba, litoral do Piauí. As informações são do Piauí em Dia.

A jovem estava grávida de seis meses e passou por um parto de emergência, no entanto, veio a óbito sem conhecer o filho José Heitor.

Luene já estava internada na UTI do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA) por conta de complicações do vírus, mas nos últimos dias, seu quadro teve um agravamento, por conta disso, ela teve que ser submetida a uma cesariana de urgência para a retirada do bebê. A vítima acabou não resistindo às complicações do vírus e veio a óbito. Seu filho continua internado na UTI Neonatal e seu estado é estável.

Em uma postagem no Facebook, o técnico de enfermagem, Danilo Pascoal, lamenta a morte da jovem. “Lutamos tanto por sua vida, desgaste físico era visto no rosto de todos, mas a esperança e a fé eram imensas. Você também lutava conosco, horas e horas e não te largamos você, uma menina de 19 anos trazendo em seu ventre um filho”.

"Lutamos tanto por sua vida, corremos sem parar, médicos, enfermeiros, técnicos, maqueiros, todos suandos, desgaste físico era visto no rosto de todos mas a esperança é a fé era imensa. Você também lutava conosco , horas e horas e não te largamos, você, uma menina de 19 anos trazendo em seu ventre um filho, José Heitor, ele está bem, não te preocupa, mesmo prematuro foi preciso parar seu crescimento gestacional para salva-los...
Salvamos seu Bebê...
Você voltou para nós e cuidamos como pessoa de nossa família, não só a mim nas os demais choramos por sua partida, também sentimos muitos... o plantão ficou em um silêncio que doía no ouvido, de cabeça baixas fiquei próximo de você, depois levantei a cabeça e não quis acreditar que teria partido. Meu Deus, o choro foi simultâneo, pq isso? Pq esse vírus imundo faz isso? Não quis saber quem era você e que estava levando em seu ventre..."

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.