Quarta, 08 de Dezembro de 2021
24°

Poucas nuvens

Monte Alegre do Piauí - PI

Geral INVESTIGAÇÃO

Corregedoria da PM e DHPP investigam morte de homem em ação policial no Piauí

O homem, identificado como Edimares Marques Figueiredo, de 40 anos, foi vítima de disparo de arma de fogo

23/10/2021 às 11h14
Por: Redacao
Compartilhe:
Corregedoria da PM e DHPP investigam morte de homem em ação policial no Piauí

A corregedoria da Polícia Militar do Piauí instaurou um inquérito para investigar a morte de um homem com deficiência na última segunda-feira (18). O homem, identificado como Edimares Marques Figueiredo, de 40 anos, foi vítima de disparo de arma de fogo efetuado por um policial militar na cidade de Avelino Lopes, região sul do Piauí.

Juntamente com a PM, o Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) se junta a investigação diretamente de Avelino Lopes, que teve início na delegacia do município, para apurar o caso através de depoimentos e do laudo policial.

De acordo com o DHPP, o homem, que possuia deficiência intelectual, estaria em crise e agindo agressivamente, então por conta disso, a polícia foi acionada.  O relatório policial informa que foram efetuados três disparos com bala de borracha contra ele, sem nenhum efeito para acalmá-lo. 

O DHPP investigará se o uso de força policial foi ultrapassada durante a ocorrência, deixando de ter comportamento legal e passando a ser uma ação truculenta.

Em nota, a PM se manifestou reafirmando que instaurou o inquérito policial, para verificar a licitude e as circunstâncias da abordagem.

Confira nota da Polícia Militar:

Quando existe este tipo de resultado em uma ação policial, é previsto em lei que sejam apuradas as circunstâncias que envolveram o fato. Portanto, a PMPI já instaurou competente inquérito policial, para verificar a licitude e as circunstâncias do ato.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.